T21 ou síndrome de Down? Qual termo utilizar?

Março é um mês importante em nossas vidas. Em março se celebra o dia internacional da síndrome de Down, sempre no dia 21/03, em alusão aos 3 pares do cromossomo 21. O dia 21 de março não foi escolhido à toa já que o dia 21 simboliza o cromossomo 21 e o mês de março, porque é o terceiro mês do ano, o mês 3, simboliza a trissomia, ou seja, as 3 cópias do cromossomo 21. Explicando: todos nós temos 46 cromossomos, sendo que eles se dividem em 23 da mãe e 23 do pai com a finalidade der gerar o embrião, que novamente terá 46. Nas pessoas com síndrome de Down ocorre uma terceira cópia somente do cromossomo 21, gerando 47 cromossomos ao todo, ou 46+1.

A data foi criada pela Assembleia Geral da ONU em dezembro de 2011, fundamentalmente com o objetivo de aumentar a conscientização sobre a síndrome de Down. É um dia de conscientização e de informação, antes de tudo. Informação é o que derruba mitos e preconceitos e proporciona uma sociedade baseada em respeito ao próximo. O tema escolhido pelas Nações Unidas para ser trabalhado nesse ano de 2021 é #CONNECT, ou em português, conecte-se, uma inferência ao isolamento social ocasionado pela pandemia mundial que já nos assola há mais de um ano.

Desde 2012, quando houve a primeira celebração, não somente o dia 21, mas todo o mês de março passou a ser de conscientização acerca da chamada trissomia do cromossomo 21, mais conhecida como trissomia 21, ou por seu acrônimo T21.

Trissomia 21 é o nome científico da síndrome e preferimos utilizá-lo, ao invés de síndrome de Down. Mas por quê?

Porque o anglicismo “down” significa “para baixo, triste, cabisbaixo”, inclusive há várias músicas que utilizam essa expressão, e talvez a mais famosa delas seja a dos Beatles “don’t let me down”. Bem, e isso não confere, esse significado não deveria ser associado às pessoas que têm a síndrome, até mesmo porque, não se pode generalizar ânimos, mas é muito comum que as pessoas com T21 sejam o oposto de “down”, sejam “pra cima”, “up”. Daí a existência de vários grupos de pais de crianças com a síndrome que se intitulam “famílias up”, negando o valor pejorativo de “down”. É muito comum a expressão “down_up” nas redes sociais. Há também o termo “nothing down about” e o nome da criança em seguida, pra justamente expressar o oposto do que diz o nome e o descontentamento com essa expressão.

O importante é saber que a justificativa para a síndrome levar esse nome foi uma homenagem ao médico britânico que a descobriu, chamado John Langdon Haydon Down. Foi ele quem em 1866 descreveu as características das pessoas com T21. Depois, em 1958 o francês Jerome Lejeune descobriu que as características coletadas pelo Dr. Down reuniam a condição de síndrome genética. Então se trata de uma homenagem a um médico e não de qualquer correlação com a condição genética do indivíduo. Caso se chamasse “síndrome de Lejeune”, a polêmica estaria terminada.

Como você pôde perceber, ocorre uma confusão entre o nome próprio “Down” e a expressão “down”. É por isso que, quando nos referimos à síndrome, utilizamos “Down” sempre em letra maiúscula, pois se refere ao nome do médico, a um nome próprio, e não a uma adjetivação.

Pode parecer muito complicado utilizar o vocábulo completo “trissomia 21”, já foi alvo de muita confusão, daí sintetizarmos para “T21”! Os nomes que damos para as coisas têm impacto em nossas vidas, quando se trata da forma pela qual nos referimos às pessoas que amamos, se podemos escolher o que é mais condizente, mais moderno e atual, melhor! Trocar “síndrome de Down” por “T21” é uma boa escolha. Caso você prefira seguir ou tenha que utilizar o termo antigo, faça de forma consciente, informada e correta, utilizando o nome próprio sempre em maiúscula, e lembrando que nós não nos definimos por nossas características.

Até o próximo texto e lembre-se: conecte-se!

#CONNECT

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s